Lava Jato em Petrópolis - busca na residência de Guilherme Franco Netto funcionário da Fiocruz preso hoje

06/08/2020

Lava Jato em Petrópolis.
Agentes da Polícia Federal estiveram no início da manhã em um condomínio da Avenida Ipiranga, realizando busca na residência do pesquisador Guilherme Franco Netto, funcionário da Fiocruz, que foi preso hoje (06).
Um mandado de busca e prisão foi cumprido agora pela manhã, e faz parte da operação Dardanários - desdobramento da Operação Lava Jato.
A ação investiga crimes de corrupção, peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa, de empresários e agentes públicos, que faziam contratações dirigidas, especialmente na área da saúde.
Ao todo estão sendo cumpridos 6 mandados de prisão e 11 de busca e apreensão, nas cidades de Petrópolis/RJ, São Paulo/SP, São José do Rio Preto/SP, Goiânia/GO e Brasília/DF. Os mandados judicias foram expedidos pela 07ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro.
A força tarefa da Lava Jato prendeu ainda Alexandre Baldy, secretário estadual de Transportes Metropolitanos de SP, por suspeita de fraudes na Saúde.
A operação é um desdobramento das investigações realizadas no âmbito das operações Fatura Exposta, Calicute e SOS, deflagradas pela PF, em conjunto com o Ministério Público Federal.

 

 

Curtir
Please reload

Tel:  (24) 2242-1558

End : Rua Washington Luiz, 391

Petrópolis - Brasil

@2018 Jornal dos distritos

  • Google+ - Círculo Branco
  • Facebook - White Circle