Petrópolis também se prepara para a intervenção federal na segurança no Estado - “A meta é blindar a cidade e manter a segurança”, afirma prefeito Bernardo Rossi

19/02/2018

Entradas da cidade com policiamento redobrado de imediato e ainda reforço na segurança da cidade com a central de integrada de monitoramento que inicia plena operação até abril. “A meta é blindar a cidade e manter a segurança”, afirmou o prefeito Bernardo Rossi na reunião ordinária do Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGIM), realizada na manhã desta segunda-feira (19.02). O encontro foi o primeiro após o presidente Michel Temer determinar intervenção federal na segurança pública do Rio de Janeiro, tema que foi abordado com Guarda Civil, Polícia Militar e Polícia Rodoviária Federal. Uma das maneiras de combater a migração de criminosos da capital para Petrópolis será o monitoramento por câmeras. O projeto do Centro Integrado de Operações (Ciop) foi apresentado em detalhes.

Apesar de a intervenção ter sido decretada na sexta-feira (16.02), ainda não foram destacados detalhes de como ela se dará na prática. Por isso, uma outra reunião deve ocorrer próximo ao fim da semana para avaliar novas ações a serem adotadas para a segurança do município. Ainda assim, a Polícia Militar já iniciou um reforço preventivo nas entradas da cidade. Outras medidas poderão ser adotadas em conjunto pelas forças de segurança, mantendo proximidade que existe desde o ano passado.

“É o momento de unirmos nossas forças e concentrar os esforços, principalmente, no monitoramento das entradas e saídas de nossa cidade. Está sendo implementado, no município, o serviço de monitoramento por câmeras e, com isso, teremos ferramentas para aumentar a segurança de quem chega e sai da cidade. Esse momento da intervenção federal pode ser muito importante, um marco para a segurança pública no estado”, afirmou o prefeito Bernardo Rossi, que preside o GGIM.

O subcomandante do 26º Batalhão da PM, Thiago Fernando Sardinha, destacou que Petrópolis é uma das cidades mais seguras do estado e que trabalha em parceria com a Guarda para garantir a tranquilidade da população.

“É importante frisar que nós ainda desconhecemos o que será feito nesta intervenção, mas ainda assim já iniciamos um policiamento reforçado visando as entradas da cidade, nosso setor de inteligência já está mapeando os bairros para encontrar os criminosos”, informou.

O inspetor da Polícia Rodoviária Federal, Erlei Molter, ressaltou que a população tem papel fundamental no trabalho que será implementado durante a intervenção federal.

“A polícia trabalha com informação e a informação de quem vive na comunidade é fundamental para o trabalho de impedir as drogas de chegarem a cidade. A gente tem intensificado este trabalho desde julho e já fizemos mais de 11 mil apreensões. Mas a população tem papel muito importante para nos ajudar”, analisou.

 

 

Curtir
Please reload

Tel:  (24) 2242-1558

End : Rua Washington Luiz, 391

Petrópolis - Brasil

@2018 Jornal dos distritos

  • Google+ - Círculo Branco
  • Facebook - White Circle