Implantação do Centro Municipal de Ortopedia ainda neste semestre é a meta da Prefeitura

08/01/2018

Acompanhando a evolução dos atendimentos ortopédicos do Hospital Municipal Nelson de Sá Earp (HMNSE), a prefeitura projeta a instalação de um Centro Municipal de Ortopedia para este semestre. Inicialmente os atendimentos ambulatoriais serão transferidos para o prédio ao lado da unidade, onde atualmente está a Coordenação de Epidemiologia. Responsável por 36 mil atendimentos em 2017, o serviço será ampliado com as consultas por subespecialidades: joelho, ombro, coluna, quadril e trauma, além de contar com uma sala de imobilização, ampla recepção e as consultas passarão a ser realizadas com 5 especialistas atendendo diariamente. 

Gradativamente o Centro Municipal de Ortopedia contemplará além dos atendimentos clínicos e exames, a instalação de um ambulatório para tratamento de artrose. A doença atinge 75% da população acima dos 65 anos e o serviço oferecerá uma técnica inédita no Estado que trata precocemente a doença e reduz a indicação de cirurgias e o uso de próteses. 

O prefeito Bernardo Rossi avalia que ainda no primeiro semestre deste ano já será possível ter um estudo de viabilidade da instalação do ambulatório de artrose. Bernardo Rossi relembra ainda que há um aparelho de ultrassonografia e de densitometria óssea previstos em emendas parlamentares para serem comprados no próximo ano.

“O Hospital Municipal Nelson de Sá Earp vem em uma crescente. Reduziu R$ 1,1 milhão das despesas, conseguiu uma parceria para realizar pequenos reparos na unidade e já tem empresas interessadas em auxiliar a instalação do Centro de Ortopedia. Vamos realizar um estudo para viabilizarmos o ambulatório de artrose, pois precisaremos realizar um investimento financeiro, mas com a economia que a Saúde vem realizando ao longo da gestão acredito que em curto prazo poderemos oferecer essa técnica”, afirma Bernardo Rossi.

O serviço de Ortopedia atende em média 180 pacientes de urgência e realiza 160 acompanhamentos ambulatoriais por dia, o que representa 8.920 atendimentos por mês. O secretário de Saúde, Silmar Fortes, reitera que a equipe vem trabalhando em planejamento para que possa destinar recursos para implantação do ambulatório de artrose que será o primeiro do Estado.

“A viscossuplementação realiza a reposição de fluídos nas articulações com desgaste (artrose, osteoartrite, artrite). Podemos dizer que seria como colocar um "lubrificante" entre as estruturas ósseas e cartilaginosas das articulações, para que diminua o impacto e a dor. A técnica proporciona alívio sintomático significante e seguro para pacientes com artrose do joelho e quadril”, explica Silmar Fortes.

 

 

Curtir
Please reload

Tel:  (24) 2242-1558

End : Rua Washington Luiz, 391

Petrópolis - Brasil

@2018 Jornal dos distritos

  • Google+ - Círculo Branco
  • Facebook - White Circle