Comdep realiza trabalho de limpeza após a chuva de ontem - cidade permanece em estado de atenção


Comdep faz limpeza na Cel. Veiga, Mosela e Bingen após chuva

A Comdep mobilizou 45 funcionários para realizar limpeza na Cel. Veiga, Mosela e no Bingen após a chuva que caiu na cidade nessa quinta-feira (21.12). O trabalho ocorre desde o início da manhã desta sexta-feira (22.12) e também utiliza máquinas e caminhões para fazer a retirada de terra e lama desses locais e caminhão-pipa para fazer lavagem das ruas.

A Cel. Veiga, um dos pontos em que a Defesa Civil registrou alagamentos, tem o maior contingente de funcionários. São 35 pessoas, com auxílio de uma retroescavadeira e dois caminhões para retirada dos detritos. Também é usado um caminhão-pipa com oito mil litros de água não-potável para fazer a limpeza da rua.

No Bingen, próximo ao Senai, três funcionários trabalham no local. Se houver necessidade, a Comdep vai enviar mais cinco pessoas para atuar na região. Já na Mosela, são quatro pessoas para realizar a raspagem da lama na Rua Major Sérgio.

“A Defesa Civil faz o acionamento a partir do registro das ocorrências. Organizamos o trabalho rapidamente pela manhã para atender as demandas o mais rápido possível, como prevê o Plano de Contingência do município”, disse o presidente da Comdep, Wagner Silva.

A Defesa Civil registrou três ocorrências por causa da chuva e permanece em estado de atenção, já que a chuva permanece em algumas regiões da cidade e existe a previsão de novas pancadas de chuva até o fim de semana. O órgão municipal orienta à população a ter atenção, caso a chuva seja permanente, em função dos acumulados que deixam o solo encharcado.

“É fundamental que a população que vive em uma área de risco tenha atenção redobrada, já que existe a previsão de pancadas de chuva no final da tarde e início da noite até o fim da semana. Os moradores devem ligar para o 199 e informar caso tenham alguma ocorrência, seja de deslizamento de terra ou alagamento. Temos 60 agentes que estão de plantão 24h para realizar os atendimentos”, afirma o secretário de Defesa Civil, coronel Paulo Renato Vaz.

Em caso de qualquer sinal de instabilidade no imóvel ou terreno, o morador deve ligar para o telefone 199 e pedir uma vistoria preventiva à Defesa Civil. A ligação e o serviço são gratuitos.


Tel:  (24) 2242-1558

End : Rua Washington Luiz, 391

Petrópolis - Brasil

@2018 Jornal dos distritos

  • Google+ - Círculo Branco
  • Facebook - White Circle