Ação da FIRJAN, Prefeitura e sindicatos aproveita potencial para promover o desenvolvimento indust


Encontro aproxima cervejarias de empresas do setor metal mecânico e estimula novos negócios em Petrópolis

Um negócio em franca expansão e com futuro próspero para a economia, assim é considerado o setor de cervejas Brasil a fora. Em Petrópolis, já são 21 marcas, sete fábricas e mais de 1.500 empregos diretos. Números que devem ser ainda maiores nos próximos anos. Para que isso ocorra, o Sistema FIRJAN em parceria com a Prefeitura de Petrópolis e os Sindicatos das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrica (Sindmmep) e de Cerveja e Bebidas em Geral (Sindcer), realizaram o primeiro encontro de negócios voltado para o setor de cervejarias. A iniciativa buscou aproximar os integrantes deste novo mercado potencial das indústrias do setor metalomecânico.

Trinta pessoas entre empresários e representantes das instituições fomentadoras participaram do seminário e da sessão de negócios realizada na Representação Regional da FIRJAN, em Petrópolis, na última quarta-feira (8). As rodadas são uma oportunidade para conectar empresas compradoras e fornecedoras, promovendo o aquecimento da economia e criando um canal de relacionamento entre as empresas proporcionado maior competitividade.

A presidente da Sindmmep, Waltraud Keuper, que também exerce a coordenadação do Grupo Metal Mecânico do Rio de Janeiro e a presidência da Representação da FIRJAN na região, acredita que esta ação pode ajudar a impulsionar ainda mais o setor cervejeiro. “

O município ganhou em setembro uma lei dedicada ao crescimento do setor cervejeiro. A nova legislação desburocratiza os trâmites do processo de liberação e instalação de microcervejarias e brewpubs, e incentiva a chegada de outras empresas que atuam na cadeia produtiva dessa indústria. O Encontro é mais um desdobramento da aprovação da lei.

Cervejeiros de Nova Friburgo também participaram do encontro interessados na contratação dos serviços das indústrias petropolitanas.

José Renato Romão, da cervejaria Brewpoint explicou as necessidades da categoria. “Conseguimos essa série de facilidades para se implantar microcervejarias na cidade, agora, precisamos de fornecedores e especialistas em manutenção dos equipamentos para facilitar o crescimento desse setor, tanto na parte de refrigeração e isolamento, quanto na parte de válvulas e conexões”.


Tel:  (24) 2242-1558

End : Rua Washington Luiz, 391

Petrópolis - Brasil

@2018 Jornal dos distritos

  • Google+ - Círculo Branco
  • Facebook - White Circle