Posse: sistema de ônibus desagrada passageiros


O sistema implantado pela Companhia Petropolitana de Trânsito e Transporte – CPTrans, na Posse, continua sendo alvo de críticas de usuários do transporte coletivo da região. Desde o início de julho, passageiros das linhas que atendem as comunidades de Rio Bonito e Gaby, são obrigados a fazer uma transferência de ônibus. Além de cansativa, a medida também tem deixado a viagem mais cara para aqueles que são obrigados a utilizar o serviço. O vereador professor Leandro Azevedo destacou que, assim como os trabalhadores, os deficientes físicos e pessoas idosas são os mais prejudicados. Para chegar em Itaipava, por exemplo, um cadeirante é obrigado a fazer dois embarques e desembarques, utilizando os elevadores dos ônibus. “O mesmo acontece com os idosos, que tem maior dificuldade de locomoção, mulheres grávidas e com crianças no colo”, disse.


Tel:  (24) 2242-1558

End : Rua Washington Luiz, 391

Petrópolis - Brasil

@2018 Jornal dos distritos

  • Google+ - Círculo Branco
  • Facebook - White Circle